Monday, August 22, 2005

Coisas que incomodam

Ver um homem debruçado sobre um caixote do lixo a comer uns restos de frango à meia-noite e tal. Em Lisboa ou seja onde for. Não é uma imagem literária, é um facto.

Eu estava sentado na esplanada de um café no Campo Pequeno e aproximou-se um cavalheiro:
- Sr. Arquitecto, tem cinquenta cêntimos?
Não sou arquitecto, mas meti a mão no bolso e tirei umas moedas, dei-lhe os cinquenta cêntimos. Agradeceu e foi-se embora. Fiquei com cara de parvo: pensava que me estava a pedir troco ou coisa assim.