Posts

Showing posts from April, 2006

Janela

Image

Cinzeiro

Image

Céu com desenhos

Image

reconstruction

Image
does it make sense said he and I said oh boy everything makes sense e então a tarde aproximava-se do fim uma vez mais repetição repetição e que mudou que muda era ontem era hoje era amanhã não se sabia todos os dias se assemelhavam a rotina a indiferente a semelhante passagem do tempo e a nossa morte anunciada nele e nós sem dar por isso como se fôssemos imortais durássemos sempre estava sol às vezes e outras vezes chovia mas ainda assim nada de original realmente os dias eram como todos os dias de todos os séculos vividos e por viver e então eu levantei-me paguei o café e disse vou-me embora estou farto de esperar ela já não vem e ele disse mas tu pensavas que ela viria ela nunca sabe o que quer é uma eterna adolescente não se pode contar com ela verdadeiramente e eu disse não tem importância aliás não estou de acordo contigo eu conto com ela e sempre hei-de contar ela e ele disse pois vai indo faz-se tarde eu por mim vou ao cinema depois talvez me meta no carro e vá até sintra ou a …

Longe de Babel

Image
falavam todos falavam o mundo era uma imensa arca um vulcão que não se cansava de vomitar palavras cá para fora fedor náusea e ninguém ouvia ninguém não havia tempo nem paciência aliás para quê ouvir imprecações calúnias exageros mentiras exigências ofensas frustrações reescrever refazer emendar corrigir pela palavra era a ambição tresloucada e desmedida a cada um as suas paixões inocentes umas temíveis outras sinistras a enorme confusão que as vidas humanas eram a própria linguagem febril a deixava entrever e iam passando melancolicamente os meses os ordenados e os subsídios eram pagos e depois gastos era a vida quotidiana em todas as cidades em todos os países e no meio de tudo isto you oh loved one where were you what were you doing how did you como escapaste à terrível condição não se sabe apetecia fugir esconder-se na aldeia perdida no meio das montanhas fugir recuperar a paz o silêncio a sabedoria mas quem tinha coragem jogos de linguagem lutas de linguagem aldrabices vagidos ag…

Na montanha hoje

Image

Paul Celan: The clinker game

Landscape with urn creatures.
Conversations
from smoke to smoke mouth.

They eat:
those madhouse truffles, a chunk
of unburied poetry,
found a tongue and a tooth.

A tear rolls back into its eye.

The left-hand, orphaned
half of the pilgrim's
shell - they gave it to you,
then they fettered you -
listening, floodlights the scene:

the clinker game against death
can begin.


(Trad. Michael Hamburger)

Frases

"Most people are other people. Their thoughts are someone else's opinions, their lives a mimicry, their passions a quotation."
Oscar Wilde

"The trouble with a rat race is that even if you win, you are still a rat."
Lilly Tomlin

Árvores, casas

Image

Gralhas

O meu livro Elogio do Silêncio, publicado pela Casa do Sul recentemente, tem algumas gralhas:

P. 24 - linha 5, em vez de "ocupar-nos" é "ocuparmos"

P. 54 - linha 8, em vez de "desses" é "desse"

P. 58 - linha 7, em vez de "sei" é "sabemos"

Excessos

Image
Excesso de narcisismo torna os blogues
enjoativos e indigestos.

O real: fragmentos

Image

If you underestimate me...

Image

Poses

Image

Blogues e jornais: crédito?

O que se escreve num jornal é mais digno de crédito do que o que se escreve num blogue? Um livro para ser lido sem preconceitos nem arrogância tem forçosamente de ser publicado em papel por uma editora comercial? E porquê, qual é o critério que permite hierarquizar? Não é tudo linguagem proveniente das mesmas falíveis ou surpreendentes capacidades humanas? O monopólio da "verdade" e da palavra, detido em teoria no passado pelo poder político, pela imprensa tradicional e pelas editoras, já se entendeu que só se impunha ou parecia impor-se por não haver possibilidade de lhe opor uma concorrência séria. Mas hoje há gente a escrever nos blogues com competência e lucidez iguais ou superiores às dos jornalistas. Tudo o que respeita à comunicação está a mudar radicalmente. A competição por enquanto parece favorecer o papel impresso, a rádio e a televisão, os "lobbies" de jornalistas e intelectuais com algum poder, já organizados em função de interesses pessoais e comuns. …

Vidros, etc.

Image

Paredes

Image